GDF Saúde conta agora com todos os serviços do Hospital Sírio-Libanês

Ampliação no atendimento dos beneficiários permite acesso a toda estrutura da unidade, com pronto-atendimento 24 horas para 27 especialidades médicas



Os beneficiários do GDF Saúde dispõem, a partir deste mês, de todos os serviços do Hospital Sírio-Libanês em Brasília. Até o início de janeiro, o atendimento envolvia as áreas de oncologia, hematologia, onco-hematologia pediátrica, radioterapia e diagnóstico por imagem. Com a assinatura do convênio que amplia o atendimento, no último dia 2 de janeiro, pelo presidente do Instituto de Assistência à Saúde dos Servidores do Distrito Federal (Inas), Bruno Alvim Moura, quem faz parte do plano já tem à disposição toda a estrutura do hospital, que reúne alta tecnologia, equipes especializadas, pronto-atendimento 24 horas, centros de diagnósticos e atendimento para 27 especialidades médicas.


Foto: Marcelo Santos.

O Sírio-Libanês é referência internacional em saúde de alta complexidade, atendimento humanizado, responsabilidade social, ensino e pesquisa.

O secretário de Planejamento, Orçamento e Administração do Distrito Federal, Ney Ferraz Júnior, que esteve à frente da implantação do GDF Saúde, celebrou a oferta de novos serviços na parceria com o Sírio-Libanês e afirmou que "após um ano de trabalho árduo, de grandes metas alcançadas e de inúmeras conquistas, temos a grata satisfação de anunciar mais essa melhoria aos servidores de Brasília e suas famílias".

A expansão na cobertura dos procedimentos oferecidos pela rede credenciada reforça o compromisso do Governo do Distrito Federal com a saúde dos servidores. O GDF Saúde foi lançado em outubro de 2020 e atualmente conta com mais de 70 mil beneficiários ativos e uma rede credenciada com cerca de 2,4 mil hospitais, clínicas, laboratórios, cooperativas e associações médicas.

O plano é responsável por mais de 6 mil cirurgias realizadas e quase 10 mil internações hospitalares, com 360 mil consultas feitas, entre 2020 e 2022. O plano de saúde realizou 2,3 milhões de exames laboratoriais e 23 mil exames RT-PCR (covid-19) até novembro de 2022.

Edilayne Martins

"Não viva para que a sua presença seja notada, mas para que a sua falta seja sentida." (Bob Marley)

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Últimas

5/recent/post-list